segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Anjo (Parte I)

Asas negras
Olhar profundo
Olhos negros como a noite
Queria me perder nessa escuridão
Lábios vermelhos cor de sangue
Ah! Queria provar desse sangue
Queria me enroscar nesse corpo quente
Me inebriar com esse cheiro envolvente
Queria ser tua
Somente tua
Queria que fosses meu
Somente meu
Uma noite entrastes no meu quarto, e me beijastes anjo
Um beijo intenso, intenso e sufocante
Me faltava o ar, iria morrer
Tive a certeza, aquele era o beijo da morte
Mas não conseguia me libertar,não queria
Te senti ali, ter teus lábios nos meus
Era excitante, todo o meu corpo te queria
Perdi o controle, e te trazia para mais perto
Você deixava, calmamente...