quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Aos mortais

Afirmam que ninguém consegue viver só
Mas vivem à procura de lugares calmos e sossegados
Falam que Deus é tudo para eles, e que quem não o respeita, vai queimar no fogo do inferno
Mas vivem praticando tudo que julgam ser "pecados mais sórdidos"
Dizem que o amor é tudo
Mas não conseguem superar a dor de serem rejeitados, odeiam pessoas, morrem de inveja, e são capazes de trair a confiança de quem mais lhe foi leal ou pior, fingir que amam.
Falam que são todos iguais
Mas, não respeitam as diferenças
Exigem respeito
Mas não se dão ao trabalho de tê-lo
Morrem de medo da morte
Mas vivem falando que ela é o caminho para a vida eterna
Valorizam tanto a vida
Mas vivem se matando aos poucos
Admiram tanto a natureza
Mas já quase acabaram com toda ela
Falam que deve-se seguir a própria cabeça
Mas têm a mídia fazendo lavagens cerebrais o tempo inteiro
Dizem que todos devem se amar do jeito que são
Mas zombam de quem não tem uma aparência "aceitável"
Afirmam que a beleza interior é o que importa
Mas ficam babando pelas gostosas e saradões da TV
Se julgam tão humanos, tão civilizados
Mas no fundo são os animais, cruéis e mais sujos do universo.