domingo, 26 de março de 2017

Forçando a barra

26 de março de 2017

Querido diário... Não, péra...

Querido blog,

Nesse fim de semana eu fiquei na bad mais uma vez, só para variar, e eu cheguei a conclusão de que estou forçando muito a barra para ter amigos e para as pessoas gostarem de mim.
Eu me sinto perdida, invisível, mal interpretada e incompreendida. Talvez eu não esteja passando uma boa impressão, talvez para as pessoas eu seja só uma falsa querendo aparecer, mas, eu não sou assim, eu não sou uma cobra. Essa minha mania de querer agradar a todos está me destruindo. Eu sei que nem Jesus agradou a todos, como diz o ditado, eu não sei por que insisto em querer agradar.
Sabe, as pessoas aqui são diferentes, ser a nerd que dá cola para turma e faz todos os trabalhos não funciona na faculdade, eu não sou uma das mais inteligentes da sala, eu sou só mais uma, e isso não me ajuda a fazer amizades. As pessoas não estão interessadas em minha inteligência (eu nem possuo mais), em meu gosto musical, elas não estão interessadas em mim, e forçar a barra só me faz parecer chata e falsa.
Eu podia ser a descolada da turma, mas, isso não combina comigo, nem com a minha situação financeira, então decidi que serei só eu, não vou tentar ser venenosa, nem engraçada, nem nada. Vou ser só a pessoinha sem sal e continuar tentando ajudar como eu sempre fiz. Não posso perder minha essência tentando agradar a outras pessoas, por que depois eu me perco e ainda por cima não agrado a ninguém. Então segura na mão de Deus e vai...